desvenlafaxine cmi


desvenlafaxine msds


desvenlafaxine fda


desvenlafaxine overdose death


pristiq first day


desvenlafaxine orange book


pristiq reviews


pristiq 100mg reviews


pristiq weight loss


desvenlafaxine 50 mg


order pristiq online


desvenlafaxine nursing considerations


pristiq ketamine


desvenlafaxine uk


desvenlafaxine long term


pristiq how long does it take to work


desvenlafaxine extended release tablets


pristiq 2015


pristiq going off


desvenlafaxine ocd


desvenlafaxine maximum dose


pristiq day 3


pristiq rash


pristiq strengths


order pristiq


pristiq picture


pristiq zoloft


desvenlafaxine how it works


desvenlafaxine 100 mg tablets


pristiq 2013


pristiq 0800


buy pristiq wind up doll


pristiq 400mg


desvenlafaxine draft guidance


desvenlafaxine headache


pristiq keeping me awake


pristiq cost australia


pristiq 30 day coupon


pristiq after 4 weeks


buy pristiq 50mg


pristiq long term


desvenlafaxine for anxiety


pristiq online cheap


pristiq quitting cold turkey


cheap desvenlafaxine


pristiq 2d6


pristiq yahoo answers


pristiq commercial


desvenlafaxine venlafaxine comparison


pristiq mg does come

Alunos da UnB pedem apoio do Professor Israel em evento de engenharia

IMG_3733-2

Crédito da Imagem: Márcio H Mota

Estudantes de engenharia da Universidade de Brasília (UnB) pediram a participação e o apoio do Professor Israel no evento mais importante do Brasil da área, a Reunião Nacional de Ramos Estudantis e Young Professionals. O evento, que será realizado de 4 a 7 de junho deste ano, tem como missão integrar alunos, recém-formados e autoridades do Institute of Electrical and Eletronic Enginees (IEEE).

Jefferson Lima e José Oniram, estudantes voluntários no IEEE, estiveram pessoalmente no gabinete e convidaram o parlamentar a palestrar na abertura do encontro, reforçando a importância do ensino de engenharia no País. Israel, claro, confirmou presença!

Evento � A Reunião Nacional de Ramos Estudantis e Young Professionals será realizada pela primeira vez em Brasília e terá como temática os �Desafios e Perspectivas da Engenharia no Brasil�. A programação incluirá palestras técnicas, mesas redondas e eventos sociais.

G@biNET – AC

Segurança nas universidades é pauta de reunião entre Professor Israel e secretário

Crédito da Imagem: Márcio H. Mota

A segurança nos campi da Universidade de Brasília (UnB) foi discutida na última sexta-feira (30) pelo Professor Israel e o secretário de Segurança Pública do DF, Arthur Trindade. Em nome dos alunos que frequentam a instituição, o parlamentar foi à pasta tratar do tema, já que são muitas as ocorrências de furtos, assaltos e até estupros. �O Poder Público precisa olhar para as áreas universitárias e garantir a segurança dos nossos estudantes�, disse o parlamentar.

O secretário afirmou que criará um conselho especial de segurança para cuidar das universidades. E fará também um apanhado junto à população no sentido de apurar informações detalhadas sobre as necessidades da comunidade estudantil e assim traçar estratégias de atuação.

De imediato, o secretário Arthur Trindade disse ao Professor Israel que irá reforçar o efetivo policial nas ruas e, no encontro, houve uma disponibilidade de ambos em resolver as demandas da sociedade.

 G@biNET – AC

Mais um grupo do Brasília Sem Fronteiras chega à capital

desembarque BSF _ França-19Mais 325 estudantes do Brasília Sem Fronteiras aterrissaram neste sábado (30), no Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek, vindos dos Estados Unidos, Europa e Oceania. Principal articular do programa na Câmara, o deputado Professor Israel, que sempre faz questão de abrir espaço em sua agenda para acompanhar a chegada dos alunos, esteve presente junto às famílias no momento do desembarque.

A emoção da família ao reencontrar os estudantes era cena comum. Uma mãe comentou com o Professor Israel do orgulho de receber o filho, após um mês de intercâmbio no exterior. �Faço questão de vir e sempre me emociono com o reencontro dos meninos com a família. Eles voltam com inúmeras possibilidades e portas abertas, prontos para viver uma nova história�, disse ele.

Professor Israel com Ana Maria (branco), seus filhos e familiares

Na porta do desembarque, Ana Maria Soares posicionou-se para que seu filho Aduilson (17 anos) visse a faixa de boas vindas. Junto ao caçula Luiz Eduardo (11), ela também segurou cartaz em que o estudante aparece em reportagem sobre o programa em um jornal francês.

Moradora de Sobradinho, a técnica de enfermagem quer lutar agora pela continuidade do projeto para que Luiz Eduardo também possa ter a mesma oportunidade que o irmão mais velho. �Esse projeto garante melhores oportunidades e um futuro para filhos de pessoas que, como eu, não têm condições de pagar estudos no exterior�, afirmou Ana Maria.ra que seu filho Aduilson (17 anos) visse a faixa de boas vindas. Junto ao caçula Luiz Eduardo (11), ela também segurou cartaz em que o estudante aparece em reportagem sobre o programa em um jornal francês.

desembarque BSF _ França-3
Odileia à espera da saída de seu filho Geraldo

Ao lado dela, outra mãe, Odileia Lima, saiu de Ceilândia para buscar Geraldo, o filho de 21 anos. �Essa é uma grande oportunidade para meu filho. Ele é aluno da UnB e estuda língua estrangeira aplicada, sem essa bolsa, jamais poderia ter feito este curso�, explicou a copeira.

Recompensa ao esforço dos estudantes

desembarque BSF _ França-14
Família Guedes na recepção da estudante Mariana

O policial militar Altemar Guedes foi reencontrar a filha Mariana (17) e falou da importância do governo conceder bolsas de estudo no exterior. �Estou muito feliz por ela, é a primeira pessoa de toda nossa família a ir ao exterior. � importante o investimento em educação e em projetos como esse, que valorizam o esforço do estudante�, afirmou.

desembarque BSF _ França-12
Professor Israel, o estudante Augusto Almeida e seu pai no desembarque

A família do intercambista Augusto Almeida (18) saiu de Valparaíso para comparecer ao momento do desembarque.  Entre faixas e abraços dos pais e dos irmãos, ele falou da importância de se dedicar para o processo seletivo do programa. �Quando fiquei sabendo da prova, dei o máximo de mim aos estudos de francês e fui selecionado! Volto da França mais responsável e sei que essa experiência vai ser fundamental para a minha carreira�, pontuou o estudante de jornalismo.

Alunos dos CILs e universitários

Ao total foram 300 estudantes dos Centros Interescolares de Línguas (CILs) e 25 universitários. Os alunos dos CILs, além do curso de imersão lingüística, estudaram Liderança Global com �nfase em Empreendedorismo na Universidade do Estado do Arizona (EUA), na Universidade Clermont-Ferrand  (França) e na Universidade de Santiago de Compostela (Espanha). Já os universitários estiveram na Universidade de Tecnologia de Auckland (Nova Zelândia), realizando o curso de Liderança Global para o Futuro.

GabNET – TR

Primeira turma do Brasília Sem Fronteiras retorna do intercâmbio

Os participantes da primeira edição do programa Brasília sem Fronteiras desembarcaram, no dia 25 de novembro, em Brasília. Familiares e amigos aguardavam ansiosos a chegada dos 126 jovens que passaram quatro semanas em Washington, nos Estados Unidos. O deputado Professor Israel também integrava o grupo, foi acompanhar a etapa final do curso e chegou com os estudantes. �Eles voltam com a mala cheia de novas experiências, aprendizados e muitas histórias para contar�, disse.

Israel, que é um dos incentivadores do projeto, acredita que o Brasília sem Fronteiras representa uma revolução para a capital federal. �Os estudantes tiveram contato com o que há de melhor no mundo em termos de cultura e puderam trocar experiências. Eles vão aplicar o que aprenderam aqui�, argumentou.

A mãe da estudante Camila Moreira, Neuza Maria, não conseguia disfarçar a ansiedade de reencontrar a filha. �Ela está fechando o ensino médio e o curso de inglês com chave de ouro. Não teríamos condições de dar essa oportunidade, mas a Camila conquistou essa chance e sei que ela aproveitou ao máximo�, garantiu.

Ao encontrar com Camila, a mãe confirmou suas expectativas. Apaixonada por história, a jovem ficou encantada com tudo que viveu e com todos os monumentos que conheceu de perto. �Não tenho palavras para agradecer esta oportunidade. Foram momentos únicos que serão decisivos para meu futuro�, disse emocionada.

O professor Thiago Francis foi um dos monitores do projeto e destacou o desempenho dos intercâmbistas que, segundo ele, tiveram um comportamento exemplar e conquistaram elogios em terras norte-americanas. �O estudo faz toda diferença. Esses alunos serão futuros profissionais que vão dar muito de si�, considerou.

O programa

Os 126 alunos estiveram entre os dias 28 de outubro e 24 de novembro em Washington DC, na Universidade de Georgetown, fazendo o curso de �Inovação com Imersão em Cultura e História Americana�. Ele participaram de aulas sobre os direitos civis americanos e de inglês avançado.

Outros 64 servidores do GDF fizeram os cursos de Gestão Pública, na Universidade de Haia, na Holanda; Cidades Inteligentes, no Istituto de Técnoliga da �ustria; e Hospitalidade em Grandes Eventos, na Universidade de Krems, ambos na �ustria.Eles retornaram para Brasília no dia 2 de dezembro.

GabiNET – AB

Estudantes da rede pública participam de revisão para o próximo Enem

Crédito da imagem: Renato Perotto

Faltando uma semana para a o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), estudantes da rede pública de ensino do DF participaram de um aulão solidário, nessa sexta-feira (18). O evento aconteceu no auditório da Universidade dos Correios e foi promovido pelo Coletivo de Grêmios Cruzeiro do Sul em parceria com o deputado Professor Israel. �O evento foi um sucesso. Nunca é demais revisar o conteúdo ainda mais quando falta pouco tempo para a prova�, disse o parlamentar.

Os alunos das escolas Paulo Freire, Setor Oeste, Gisno, Elefante Branco e Centro Educacional do Lago Norte puderam revisar o conteúdo das disciplinas de matemática, história, inglês, espanhol e literatura. Para a estudante Kelry Hilary, 17 anos, o evento foi de grande valia porque os professores deram dicas para importantes para quem vai fazer o Enem pela primeira vez. �Também foi muito útil poder revisar conteúdos do primeiro ano, muita coisa que a gente nem lembrava�, considerou.

Para a vice-presidente do grêmio estudantil do Elefante Branco, Emily Nogueira, 16 anos, o evento superou as expectativas e acredita que a colaboração do mandato do Professor Israel foi importante nesse processo. �O grêmio está cada vez mais engajado com a pauta da educação que é a mesma defendida pelo deputado. Essa parceria ainda vai render bons frutos�, afirmou.

GabiNET – AB

Alunos da rede pública de ensino preparam-se para intercâmbio no exterior

Crédito da imagem: Renato Perotto

Os 126 alunos dos Centros Interescolares de Línguas (CILs) selecionados para o programa “Brasília sem Fronteiras” participaram, no dia 12 de novembro, de um curso preparatório sobre o intercâmbio, com dicas para a viagem internacional que farão em novembro.

O deputado Professor Israel é um dos incentivadores do projeto e acredita que esta será é uma oportunidade única na vida dos jovens. “Eles sairão do curso preparados para lidar com as demandas da atualidade”, defende o parlamentar, que esteve presente no encontro, realizado na Escola de Aperfeiçoamento dos Profissionais de Educação do DF.

Durante quatro semanas, os 126 alunos dos CILs e outros 64 servidores públicos do DF selecionados participarão dos cursos nas universidades de Georgetown, em Washington (EUA); de Haia (Holanda); de Krems e no Instituto de Tecnologia da �ustria, ambos na �ustria.

Em 2014, serão 1,9 mil vagas para intercâmbio nos Estados Unidos, Canadá, Alemanha, Espanha, Nova Zelândia e Cingapura, entre outros possíveis destinos, também pelo programa “Brasília Sem Fronteiras”.

O DF é a primeira unidade da Federação a colocar em prática um programa de qualificação e aperfeiçoamento profissional de brasileiros no exterior.

GabiNET � RT com Agência Brasília

Comissão de Educação da Câmara Legislativa aprova ampliação do Passe Livre

Crédito da imagem: http://migre.me/gjQEL

A ampliação do programa Passe Livre conquistou a sua primeira vitória, no dia 08 de novembro, com a aprovação do projeto de lei na Comissão de Educação. De autoria do deputado Professor Israel, a medida visa garantir a quantidade de viagens que for necessária para que os estudantes realizem o trajeto casa-escola. �Trabalharemos em busca da conquista desse direito que é necessário e fundamental. Não estamos falando apenas em transporte, estamos tratando de educação�, afirmou o parlamentar.

Hoje, a cota é limitada a 54 passagens por mês (uma média de 2 viagens por dia), número que não atende diversos beneficiários que moram distante da instituição de ensino e que precisam pegar, pelo menos, quatro ônibus para ir e voltar.

O texto contempla ainda uma reivindicação antiga dos estudantes do DF: o acréscimo de 20% nas passagens â�� sem limitação de linhas, dias e horários â�� para utilização em atividades extraclasse e culturais. “A educação não acontece apenas na escola”, justifica o deputado. A intenção é permitir aos jovens acesso a bibliotecas, peças de teatro, cinema e exposições.

DCE – UnB

A aprovação foi comemorada também pelo Diretório Central dos Estudantes, da UnB. Envolvidos com o projeto desde o início, os estudantes acompanham de perto a tramitação do texto. Na página do DCE no Facebook, eles relatam que essa foi �uma primeira conquista para todos os estudantes dos ensino fundamental, médio e superior do Distrito Federal que utilizam o sistema público de transporte�.

O projeto segue agora para a Comissão de Economia, Orçamento e Finanças.

GabiNET – AB

Representantes de grêmios estudantis da rede pública visitam gabinete

Crédito da imagem: Renato Perotto

O deputado Professor Israel recebeu, em seu gabinete, estudantes do Coletivo Cruzeiro do Sul, formado por representantes de grêmios estudantis de seis escolas de ensino médio da rede pública do DF. O encontro aconteceu nessa quarta-feira (25) e teve como pauta a qualidade do ensino na capital federal.

O grupo apresentou demandas e, em contrapartida, o parlamentar pôde expor alguns de seus projetos que envolvem a temática. �Foi muito boa essa troca de ideias. A preocupação deles com a causa da educação me fez ter a esperança renovada�, disse o parlamentar.

Um das reivindicações envolve o Passe Livre. Israel informou aos presentes que apresentou projeto de lei com o objetivo de garantir a quantidade de viagens que for necessária para que estudantes possam realizar o trajeto casa-escola. O texto contempla ainda o acréscimo de 20% nas passagens � sem limitação de linhas, dias e horários � para utilização em atividades extraclasse e culturais.

Outra proposta apresentada pelos estudantes é também bandeira do deputado: a criação da Universidade Distrital. Em agosto deste ano, foi sancionada lei que visa criar a Fundação Universidade do DF. Israel, que atuou para aprovação desse projeto, disse que está acompanhando de perto a implantação da medida.

A falta de infraestrutura nas instituições de ensino entrou ainda no debate. Os representantes do Coletivo mostraram relatórios com as dificuldades enfrentadas por eles na rotina escolar. A demanda é tema de outro projeto de lei apresentado por Israel no início do mandato e que prevê a padronização das escolas públicas.

A proposta é que todas tenham quadra poliesportiva coberta, laboratório de informática com acesso à internet, auditório e biblioteca. Israel luta para que o texto seja aprovado na Câmara Legislativa e se torne realidade.

GabiNET – AB

Requerimento ao DFTrans sobre custos do Passe Livre Estudantil

Requerimento ao DFTrans solicitando informações sobre os custos relativos à distribuição do Passe Livre Estudantil – PLE e o efetivo atendimento às necessidades dos estudantes residentes nas localidades mais distantes

Passe Livre pode ter cotas ampliadas

Crédito da imagem: Renato Perotto

Está tramitando na Câmara Legislativa projeto de lei que altera o primg class=ograma Passe Livre Estudantil. O objetivo é garantir a quantidade de viagens que for necessária para que estudantes possam realizar o trajeto casa-escola. Hoje, a cota é de 54 passagens por mês (uma média de 2 viagens por dia), número que não atende diversos beneficiários que moram distante da instituição de ensino e que precisam pegar, pelo menos, quatro ônibus para ir e voltar. O PL é de autoria do deputado Professor Israel.

A limitação na quantidade de viagens prejudica estudantes como Vinícius de Oliveira, de 24 anos. Morador de São Sebastião, ele estuda em uma faculdade de Taguatinga e precisa de, no mínimo, quatro passagens por dia. “Chega a terceira semana do mês e o meu cartão é bloqueado. Não tenho condições de pagar R$ 60 de passagem por semana”, relata.

Da mesma forma, o projeto atende uma demanda dos alunos da Universidade de Brasília. O Diretório Central dos Estudantes (DCE-UnB) apresentou ao parlamentar um abaixo-assinado com aproximadamente três mil assinaturas pedindo o aumento da cota do Passe Livre.

O texto contempla ainda uma reivindicação antiga dos estudantes do DF: o acréscimo de 20% nas passagens â�� sem limitação de linhas, dias e horários â�� para utilização em atividades extraclasse e culturais. “A educação não acontece apenas na escola”, justifica o deputado. A intenção é permitir aos jovens acesso a bibliotecas, peças de teatro, cinema e exposições.

GabiNET – AB