tamanho da fonte:
imprimir

Jovens Embaixadores visitam Professor Israel e contam experiência

Crédito da Foto: Márcio H. MotaProfessor Israel recebeu na manhã de ontem (12) a visita dos jovens embaixadores de Brasília, estudantes da rede pública de ensino que foram para os Estados Unidos participar do programa da embaixada americana no Brasil. Grande incentivador do intercâmbio, o parlamentar prestou apoio aos alunos para a realização da viagem. “Este tipo de projeto proporciona uma experiência transformadora. Eu apoio toda iniciativa que possa contribuir para o desenvolvimento do Distrito Federal por meio da educação”, falou.

Os jovens contaram sobre a viagem e como funciona o programa de 3 semanas. Eles participaram de workshop sobre liderança, dinâmicas de grupo, realizaram trabalhos voluntários e conheceram as iniciativas governamentais que promovem o melhoramento dos Estados Unidos. Alice de Azevedo, 17 anos, contou que conhecer as qualidades e também, os defeitos dos Estados Unidos foi importante para valorizar o Brasil. “Ao mesmo tempo que nos mostraram as vantagens, também nos apresentaram os problemas e ainda, como buscam as soluções”, disse.

Para Billy Aguiar, 17 anos, a troca de experiências e a possibilidade de inteirar-se sobre outras culturas foi um grande diferencial. “Nós conhecemos jovens embaixadores de muitos lugares. Além de aprendermos sobre outros povos, pudemos falar dos pontos positivos do Brasil”, declarou.

No bate-papo, realizado no gabinete do deputado, Professor Israel falou aos jovens que esta oportunidade é valiosa e por isso precisa ser retribuída à sociedade. “Aproveitem o que aprenderam e, principalmente, procurem uma forma de ajudar a comunidade. É assim que mudamos a vida dos nossos vizinhos, da cidade que vivemos e até o País”, aconselhou.

O Programa

Criado em 2002, o Programa Jovens Embaixadores busca beneficiar alunos brasileiros da rede pública de ensino que são exemplos em suas comunidades por meio de sua liderança, atitude positiva, consciência cidadã, excelência acadêmica, e conhecimento da língua inglesa. Os selecionados viajaram em janeiro e passaram três semanas nos Estados Unidos.

Veja mais fotos clicando aqui.

G@biNet – AC

Deixe seu comentário



(não será publicado)