tamanho da fonte:
imprimir

“Contribuinte não pode arcar com dívida de parlamentares com a RF”

Crédito da imagem: Renato Perotto

A imprensa repercutiu a cobrança que a Receita Federal fez à Câmara Legislativa para que 30 deputados (envolvendo distritais da atual legislatura e da passada) paguem o equivalente a R$ 1,12 milhão em impostos e multas referentes ao recebimento dos 14º e 15º salários, sobre os quais não incidiu o Imposto de Renda. O Professor Israel, que abriu mão do benefício assim que assumiu o mandato, falou ao Correio Braziliense.

Em entrevista concedida no dia 30 de janeiro, ele defendeu que os parlamentares citados pela Receita paguem a dívida. “Certamente esse dinheiro não deve sair do bolso do contribuinte”, falou à repórter Lilian Tahan. Ao entrar na CLDF, Israel imediatamente abriu mão dos salários extras e apresentou projeto de lei para extingui-los. Porém, por acordo entre os parlamentares, o texto colocado em votação foi o da Mesa Diretora. Aprovado no ano passado, o PL nº 30/2011 virou lei e, desde então, Brasília passou a ser exemplo para o País.

Veja abaixo a matéria completa: http://www.sistemainfo.net/news/materia/89585

GabiNET – AB

Deixe seu comentário



(não será publicado)