tamanho da fonte:
imprimir

Coleta seletiva nas escolas está prestes a se tornar realidade

Crédito da imagem: http://migre.me/hDGwb

Crédito da imagem: http://migre.me/hDGwb

O Diário da Câmara Legislativa dessa terça-feira (28) trouxe a publicação do projeto de lei 1222/2012, de autoria do deputado Professor Israel, que trata sobre o programa de coleta seletiva nas escolas públicas e privadas do DF. A proposta é despertar nos estudantes a importância da educação ambiental. “É preciso conscientizar os alunos, desde a infância, quanto à necessidade de darmos destinação ecologicamente adequada aos resíduos sólidos recicláveis”, alertou o parlamentar.

O programa deve funcionar com a participação da direção escolar e de um grupo de conselheiros da unidade escolar. Esse grupo será constituído por professores, alunos, pais ou responsáveis e funcionários.

A partir da coleta, os materiais separados também poderiam ser comercializados pelas escolas, contribuindo para a obtenção de receitas em prol da aplicação do programa e da própria instituição de ensino. “Os valores pagos no mercado pelos materiais recicláveis são capazes de superar o custo advindo com a implantação do Programa Coleta Seletiva na Escola”, avalia Israel.

O projeto segue agora para sanção do governador.

Benefícios

São diversos os benefícios que a sociedade pode conquistar a partir da coleta seletiva, como a redução dos lixões a céu aberto e o prolongamento da vida útil dos aterros sanitários. A separação dos resíduos sólidos também evita a poluição do meio ambiente, além de reduzir os gastos com energia.

GabiNET – AB

 

Deixe seu comentário



(não será publicado)