tamanho da fonte:
imprimir

Professor Israel homenageia estudantes campeões dos Jogos Mundiais, na Áustria

sessao solene - jogos mundiais das escolas catolicas-248

Por iniciativa do deputado Professor Israel, os estudantes brasilienses que tiveram destaque nos Jogos Mundiais das Escolas Católicas foram homenageados nesta quarta-feira (13) na Câmara Legislativa. Cerca de 30 jovens receberam moção de louvor e relembraram as vitórias na competição, realizada em julho na Áustria. Enquanto o Brasil ficou em quarto lugar na Copa do Mundo, o grupo levou a bandeira nacional ao pódio e colecionou medalhas de ouro.

Durante a cerimônia, o Professor Israel parabenizou todos eles e falou da importância do esporte para a formação dos jovens. “O estudante que pratica esporte está preparado para superar desafios. Precisamos de mais incentivo, somos a sexta economia do mundo, mas a nossa realidade olímpica não reflete a grandeza do nosso País”, declarou.

A homenagem se estendeu também ao trabalho da comissão técnica, professores e diretores dos colégios participantes – Escola Franciscana Nossa Senhora de Fátima, Colégio Marista de Brasília e Centro Educacional Sagrada Família –, como um esforço conjunto que gerou bons resultados.

Presente na sessão, o presidente da Federação Regional dos Desportos do DF e Entorno (FRDEDF), Marcelo Rozemberg, ressaltou o legado de eventos como os Jogos Mundiais para a vida dos atletas. “Uma competição como essa envolve interdisciplinaridade de matérias. O aluno fez pesquisa da geografia do país, estudou outro idioma, usou a matemática para a conversão da moeda, e isso fica como experiência”, afirmou.

Vitórias e recordes

Os estudantes obtiveram destaque em todas as modalidades que disputaram. A Escola Franciscana Nossa Senhora de Fátima enviou o maior número de atletas (25), conquistando medalhas de ouro no vôlei feminino, no futsal masculino e na natação masculino.

Para a capitã do time de vôlei, Olga Luisa Bezerra, a vitória obtida na Áustria tem sabor de despedida. A atleta, que está terminando o 3º ano, já vem treinando em um clube da cidade e pretende se profissionalizar. “Foi muito bom, tivemos uma experiência única”, contou. O mesmo vale para Mateus da Silva, capitão do time de futsal do Fátima: “Ficou marcado, vai deixar saudades”.

Único atleta do Sagrada Família, Leandro Bressan voltou com cinco medalhas e dois recordes na natação – 50 e 100 metros de nado peito. Foi sua primeira prova fora do País. “Sem a ajuda da escola, seria impossível! Contei com apoio inclusive na reposição das aulas e provas que perdi quando viajei”, relatou.

A alegria pela homenagem estava refletida no rosto de atletas e também dos pais. Aldo Moreno, pai do nadador Guilherme, aluno do Marista, elogiou a iniciativa. “Ações como essa fortalecem a continuidade do atleta no esporte. Só quem acompanha de perto sabe da dificuldade para conseguir o credenciamento da federação para competições internacionais. Fico feliz que os meninos recebam este reconhecimento agora”, afirmou.

Participaram ainda da sessão representantes das escolas envolvidas e o vice-presidente do Sindicato das Escolas Particulares do DF (Sinepe-DF), Álvaro Moreira Junior.

Confira aqui as fotos do evento.

Fonte: GabiNET – TR

 

Deixe seu comentário



(não será publicado)