tamanho da fonte:
imprimir

Audiência pública discute situação das pistas de skate em Brasília

Crédito da Imagem: Márcio H. Mota

A reforma e a construção de pistas adequadas à prática do skate foram discutidas em audiência pública na tarde desta sexta-feira (20) no auditório da Câmara Legislativa. “O skate é um esporte de ocupação dos espaços urbanos e deve receber atenção do poder público; este é um dos resultados deste debate entre federação, praticantes e representantes do governo”, disse o deputado Prof. Israel (PV), mediador do encontro.

Para Israel, a imensidão dos espaços públicos do DF é um convite à prática do skate. “O skate é um esporte urbano e também um espaço de resistência”, declarou, ao rechaçar o “discurso moralista que associa os skatistas aos marginais”. Foi por causa deste moralismo, segundo ele, que a pista da Praça do DI, em Taguatinga, foi fechada. O parlamentar anunciou a destinação de R$ 120 mil, via emenda parlamentar, para a reconstrução daquela pista.

O presidente da Federação de Skate do DF, Warleiton Souza, conhecido com Leitão, apresentou vídeo mostrando o abandono e as precárias condições das pistas de skate do DF, bem como pistas de referência, localizadas em cidades do Ceará e em outros estados, como a de São Bernardo do Campo (SP) e a do Parque Madureira (RJ).  Leitão salientou a necessidade, no DF, de reforma nos equipamentos públicos e a implantação de novas pistas sob a supervisão da federação para que não mais se construam pistas “tecnicamente inviáveis para a prática do esporte, como a de Taquari, exemplo do que não deve ser feito”, destacou. Ele apresentou ainda o projeto ‘Brasília Skate Plaza’, uma proposta de construção de pistas no Parque da Cidade para “gerar oportunidade para a nova geração de skatistas do DF”.

O skate é o segundo esporte mais praticado no País e também o que mais cresce, de acordo com a atleta Taís Ferreira. A subsecretária da Juventude da Secretaria da Criança, Aline Bezerra, salientou a importância do esporte e reforçou a parceria entre a Secretaria e a federação, assim como o compromisso de contribuir com os campeonatos locais. O assessor da Secretaria de Esporte e Lazer, Humberto Moraes, defendeu a retomada de um grupo de trabalho entre as secretarias, a federação e os praticantes.

Ao término dos trabalhos foi marcada uma reunião para avaliar os projetos de pistas de skate anunciados pelo representante da Novacap, Leonardo Inojosa. Deverão participar do encontro os participantes da audiência.

Representantes da Federação de Skate do Distrito Federal irá apresentar relatório sobre a situação atual dos equipamentos e, ainda apresentar o projeto da pista a ser construída no Parque da Cidade (Brasília Skate Plaza).

Campeonato – antes e após o término da Audiência Pública foi realizado na porta da Câmara Legislativa, campeonato da melhor manobra de skate, em pista montada no local. Os skatistas mostraram suas habilidades fazendo acrobacias nos skates e nas rampas.

Confira as fotos da audiência pública clicando aqui.

Coordenadoria de Comunicação Social CLDF

 

Deixe seu comentário



(não será publicado)