tamanho da fonte:
imprimir

A campanha mais barata da última eleição

O Correio Braziliense publicou esses dias uma matéria sobre a quantia que cada candidato a distrital em 2010 (hoje eleito) gastou para financiar a campanha eleitoral. Eu tô lá na lista como o candidato que menos gastou. Enquanto outros colegas deputados gastaram até 900 mil reais.

Eu sei que só consegui isso por causa da campanha na internet, da galera que me apoiou, de quem foi meu aluno e sabe que eu não estaria na política por acaso, dos meus colegas professores e, claro, de muita gente amiga que trabalhou voluntariamente na campanha e espalhou o “Tô dentro”. Meu slogan na época.

Então, hoje aproveito a deixa dessa matéria (que me fez relembrar a peleja, o trabalho para conseguirmos dinheiro de amigos e da família para abastecer o carro e rodar o material gráfico mínimo) para agradecer novamente toda essa galera. Provamos que um professor, de origem simples, com poucos recursos financeiros pode ocupar uma cadeira na Câmara e representar a população de verdade, os jovens e todos que precisam de OPORTUNIDADE!

 

Clique na imagem para ampliar

napontadolapis

 

Deixe seu comentário



(não será publicado)